quinta-feira, 19 de outubro de 2006

Os anjos não têm costas.





Ontem alguém me disse...que "os anjos não têm costas."
Então porque me viras as tuas...?
Acaso não sabes que é de frente que nos olhamos...Como sempre fizemos.
Ás vezes penso,que o anjo que És, desceu á terra,preso por cordas,que te ligam ao céu,e assim que quiseres voltar...o farás.
Mas o que tu não sabes é se essas cordas aguentam o teu peso e o meu.Porque eu, faz tempo,que estou ligada a ti.
Não há um dia que não te traga comigo,que não murmure o teu nome,no silêncio do meu coração.
Não há um dia,que não sonhe...e não deseje.
Todos os dias,ofereço o meu sorriso ao mundo,também por ti...contigo.
Penso e volto a pensar onde iremos chegar...afinal?
Medo,de te descobrir,não há.Medo de te perder,algum.
Por isso espero.É isso que queres?
Estou aqui.Não irei a lado algum sem ti...pois não existe nenhum outro coração que eu queira descobrir tanto,como o teu.
És grande.Tão grande.
Belo.Tão belo.
Não precisas falar,para que te sinta,a tua presença basta,para que me sinta segura e a arder por dentro.
E eu, digo-te hoje baixinho...e ternamente:

"Deixa-te ficar na minha casa,há janelas que tu não abriste."

1 comentário:

Cláudia disse...

:)

abracito